Calvície Feminina tem Cura? [ Causas, Sintomas e Tratamentos ]

Ao contrário do que se pensava tempos atrás, que a calvície era um problema somente dos homens, atualmente já se sabe que a calvície feminina é uma realidade.

Se para os homens a calvície já é um problema, imagina para a vaidade das mulheres.

De acordo com estudos e pesquisas, 50% das mulheres relatam alguma queixa sobre queda de cabelos.

É claro que este não é o percentual de calvície feminina. Segundo informações da Sociedade Brasileira de Dermatologia, a calvície feminina diagnosticada atinge 5% das mulheres.

A calvície feminina é diagnosticada quando o cabelo se torna fraco e ocorre uma perda excessiva dos fios, deixando “falhas” no couro cabeludo (em algumas áreas), embora o padrão seja diferente dos homens.

É importante lembrar que perder alguns fios de cabelo (em torno de 50 a 100 fios) diariamente, é um processo natural de renovação.

É bem comum que com o avançar da idade as mulheres passem a ter um aumento de perdas dos fios, mas também é considerado normal.

No entanto se você perceber que esta queda está acentuada e você observa uma quantidade anormal de fios no seu travesseiro, na escova de cabelos ou no ralo do chuveiro, é bom buscar orientação com um profissional da área.

Tipos de calvície feminina

  1. Quando ocorre uma perda parcial de cabelos num local determinado (pequeno) do couro cabeludo deixando uma falha.
  2. Quando a falha começa a aumentar aumentando também a perda dos fios ao redor.
  3. Quando a perda de cabelos ocorre em várias regiões diferentes deixando visível o couro cabeludo.

A boa notícia é que são raros os casos de calvície total em mulheres.

Causas da calvície feminina

Calvície feminina tem cura

  1. Hormonais

No caso das mulheres essa causa está no topo da lista. É um fato comprovado que a queda dos cabelos se torna acentuada após o período da menopausa.

Nesta fase, o corpo da mulher passa por drásticas mudanças hormonais. Outro fator hormonal, como a testosterona, também pode contribuir para provocar o problema de calvície feminina em menor percentual.

  1. Genética

A calvície feminina também pode ser de causa genética, ou seja, transmitida pelos pais, avós ou familiares próximos. É comum que pais que tem problemas de calvície transmitam os genes aos seus filhos.

  1. Medicamentos

Alguns medicamentos podem apresentar como efeito colateral a perda de cabelos. Nos tratamentos para câncer por exemplo, são comuns a perda parcial ou total de cabelos.

Em caso de consulta informe sempre o seu médico se estiver tomando alguma medicação.

  1. Alimentação e drogas

A má alimentação pode causar deficiências serias no organismo, inclusive a calvície. Manter uma alimentação rica em vitaminas, proteínas e sais minerais podem contribuir para a saúde dos seus cabelos.

O uso de tabaco, bebidas alcoólicas em excesso e outras drogas também podem contribuir para desenvolver o problema da calvície.

  1. Tração

Também comum entre as mulheres (mas pode ocorrer com os homens) a alopecia por tração ocorre quando os cabelos ficam tracionados (amarrados) com muita força por bastante tempo. Algumas mulheres por necessidade ou praticidade, usam diariamente os cabelos presos em forma de “rabo de cavalo”, isto enfraquece os fios resultado na queda dos mesmos.

  1. Ovários policísticos

Especificamente feminina a síndrome do ovário policístico pode causar a queda dos cabelos resultando em calvície.

  1. Problemas de tireoide

Tanto o hipertireoidismo como o hipotireoidismo podem causar queda de cabelos. É uma causa facilmente identificável através de um exame sangue com análise dos níveis de hormônio.

  1. Estresse

O estresse ou trauma emocional podem desencadear uma seria queda dos cabelos. Nestes casos o ideal é evitar o estresse e buscar o equilíbrio emocional através de terapia ou técnicas de relaxamento.

  1. Anemia Ferropriva

Esta é uma doença causada pela deficiência de ferro. Basta realizar um exame bem simples (sangue) e constatar os níveis de ferro. Anemia é uma doença que costuma atingir mais as mulheres do que os homens e causar a calvície feminina.

Tratamentos para calvície feminina

Como disfarçar calvície feminina naturalmente

Os tipos de tratamentos para calvície estão diretamente ligados a causa da calvície.

Atualmente muitas pesquisas e investimentos estão sendo feitos nesta área buscando soluções para o problema da calvície em geral.

No princípio algumas mulheres tentam esconder as “falhas” com o próprio cabelo. Porem a partir do nível 2 fica bem difícil e só então as mulheres costumam buscar ajuda.

Algumas alternativas de tratamento:

  • Reposição de ferro (nos casos de anemia)
  • Mudança de hábitos alimentares
  • Reposição hormonal
  • Loções, tônicos e shampoos (uso tópico)
  • Suplementos (em casos de desnutrição)
  • Laser
  • Transplantes (em casos mais acentuados).

Para o caso de transplante capilar é necessária uma avaliação adequada que cumpra os requisitos necessários (como idade mínima por exemplo), bem como uma clínica de confiança com bons profissionais habilitados para o procedimento.

Como já dissemos é muito importante descobrir a causa da sua queda de cabelos, pois o tratamento pode ser mais simples do que você imagina.

Pronto, agora você já sabe um pouco mais sobre a calvície feminina, seus tipos e como tratar o problema!

NOTÍCIA INÉDITA
Cápsula com fórmula revolucionária que promete pôr um fim definitivo na calvície e recuperar os cabelos perdidos chama a atenção dos homens de todo o Brasil. ⇒ CLIQUE AQUI E VEJA A MATÉRIA COMPLETA  

Deixe Seu Comentário